Conecte-se Conosco

Cidades

Cesan isenta moradores do sul do Estado atingidos pelas fortes chuvas

Redação O Fator Brasil

Publicado

em

Em apoio e solidariedade às famílias afetadas pelas fortes chuvas que atingiram a região sul do Espírito Santo no final de março, o Governo do Estado, por meio da Companhia Espírito-santense de Saneamento (Cesan), anunciou a isenção da tarifa com vencimento no mês de abril para os moradores das cidades sob a atuação da Companhia.

A decisão foi anunciada pelo governador Renato Casagrande, por meio das redes sociais. A medida vai beneficiar diretamente 21.348 famílias, cujas contas de água têm vencimento no mês de abril e residem nas cidades de Apiacá, Atílio Vivácqua, Bom Jesus do Norte, Muniz Freire, Muqui, Rio Novo do Sul e São José do Calçado, todas atendidas pela Cesan.

“É mais uma ação do Governo do Estado para aliviar a situação das famílias e empreendedores dos municípios atingidos pelas chuvas. Sabemos que o momento delicado para todos que residem na região, mas é uma notícia importante para aquelas cidades cujo abastecimento de água é gerenciado pela Cesan. Ao todo, são sete dos 13 municípios mais afetados pela enxurrada, sendo que os outros têm sistemas autônomos de água e esgoto”, afirmou o governador.

O presidente da Companhia, Munir Abud, destacou que esta ação é uma forma de contribuir com as centenas de famílias que perderam tudo. “Estamos atuando desde o primeiro momento após as chuvas, mesmo em municípios que não são diretamente atendidos pela empresa, como é o caso de Mimoso do Sul, que possui o Serviço Autônomo de Abastecimento. Deslocamos profissionais e máquinas para as cidades, enviamos caminhões-pipa, tubulações. A Cesan permanecerá apoiando enquanto for preciso, visando mitigar os impactos”, reforçou.

Dentre as ações realizadas pela Cesan, estão:

– Disponibilização de 13 caminhões-pipa para o abastecimento emergencial com água potável nos municípios atingidos;
– Envio de aproximadamente 18 mil copinhos com água potável;
– Recuperação de captações de água bruta, com substituição ou recuperação de insumos elétricos, inversores de frequência e conjunto motobombas;
– Doação de tubos para reconstrução da captação de Mimoso do Sul; – Execução de uma captação provisória em Muqui;
– Reconstrução do emissário de esgoto em Muniz Freire;
– Utilização de caminhões jato-vácuo para realização de limpeza das captações e auxílio na limpeza das ruas;
– Envio de equipes para eliminação de vazamentos nos diversos ramais e redes;
– Envio de técnico para orientação e auxílio com a perfuração de poços em Mimoso do Sul, especificamente na localidade de Santa Marta.

Aproximadamente 72 mil kits de donativos e 164 mil litros de água já foram distribuídos pelo programa ES Solidário do Governo do Estado para a população dos 13 municípios mais atingidos pelas chuvas registradas nos dias 22 e 23 de março de 2024. O programa atua em situações de urgência e emergência no Espírito Santo. O quantitativo é relativo a cestas básicas, kit limpeza, Kit higiene, colchões, cobertores, ração animal, fraldas, absorventes, entre outros itens.  As doações estão sendo recebidas na sede do Comando do Corpo de Bombeiros, na Enseada do Suá, em Vitória, e em Cachoeiro de Itapemirim.

Cidades

Montanha se prepara para acabar com o transbordamento de esgoto próximo à barragem Tutu Reuter

Redação O Fator Brasil

Publicado

em

Um problema que se arrasta há anos em Montanha está próximo do fim. A estação elevatória da Cesan próxima à barragem Tutu Reuter vai contar com duas novas bombas e, assim, triplicar a sua capacidade de bombeamento de esgoto para a estação de tratamento da cidade. Hoje, principalmente em períodos de chuvas, o esgoto transborda e muitas vezes cai direto na barragem.

As bombas, um investimento de 200 mil, já foram adquiridas e devem começar a funcionar até o final do próximo mês de julho, explica o prefeito de Montanha, André Sampaio.

Urbanização da barragem

As obras de urbanização da barragem Tutu Reuter já foram iniciadas – com a montagem do canteiro. Serão três etapas de intervenções. A primeira delas incluirá áreas de lazer e esporte, quiosques e restaurante. “A mesma empresa fará o projeto executivo e as intervenções, o que garante mais rapidez de execução. Os primeiros serviços já começam imediatamente”, explica o prefeito da cidade.

Só na primeira fase, o investimento é de R$ 6 milhões. A previsão é que as obras sejam entregues até o fim do ano que vem.

Continue Lendo

Cidades

Feira Agroecológica no centro de Montanha impulsiona a economia local

Redação O Fator Brasil

Publicado

em

A cidade de Montanha, tem se destacado pela sua feira agroecológica, que ocorre todas as quartas-feiras no centro da cidade. O evento, que reúne produtores locais, vem impulsionando a economia da região e promovendo a oferta de alimentos frescos e sustentáveis para a população.

Com uma diversidade de produtos, que vão desde frutas e verduras orgânicas, peixes até alimentos processados artesanalmente, a feira agroecológica tem se tornado um ponto de encontro para os moradores em busca de uma alimentação saudável e consciente. Além disso, a iniciativa apoia diretamente os agricultores locais, incentivando a produção sustentável e fortalecendo a economia do município.

Um dos grandes atrativos da feira é a qualidade dos produtos oferecidos. Os agricultores utilizam técnicas agroecológicas, evitando o uso de agrotóxicos e priorizando práticas sustentáveis. Isso garante alimentos frescos, livres de resíduos químicos, e contribui para a preservação do meio ambiente.

Se você está em Montanha ou nas proximidades, não deixe de visitar a feira agroecológica, todas as quartas-feiras, no centro da cidade. Uma oportunidade única de apoiar a produção local e desfrutar de alimentos de qualidade, cultivados com cuidado e respeito à natureza.

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade

Política

Publicidade

Tendência